Notícias

5 fatos sobre a medicina nuclear


A medicina nuclear é uma especialidade muito importante na área da saúde, no entanto ela é pouco conhecida. Por isso, o Grupo MND tem o cuidado de trazer informações sobre a área, para que cada vez mais pessoas tenham acesso ao conhecimento. É importante lembrar que a especialidade permite avaliar a função dos órgãos e tecidos, possibilitando um diagnóstico preciso e precoce para diferentes tipos de patologias, promovendo melhores chances de tratamento aos pacientes. Para que você possa estar cada vez mais familiarizado com o assunto, neste texto trouxemos cinco fatos sobre a medicina nuclear, que ainda geram muitas dúvidas. Acompanhe!

A radioatividade utilizada não é prejudicial ao organismo

Essa é a principal dúvida. É importante esclarecer que o uso de radiofármacos nas doses adequadas não são nocivos à saúde do paciente, pois as substâncias radioativas inseridas são mínimas, sendo indicadas até para crianças e adolescentes;

O paciente tratado com radiofármacos não fica radioativo

Esse é outro mito. Além da baixa radioatividade presente nestes medicamentos, os radiofármacos não são indicados para serem utilizados com frequência. Geralmente o tratamento é feito em dose única ou em poucas doses, não sendo um tratamento contínuo, logo, o paciente não fica radioativo;

Os acidentes nucleares não possuem relação com radiofármacos

Acidentes nucleares são causados quando há uma enorme quantidade de material radioativo, sem nenhum tipo de controle ou acompanhamento, tendo efeitos nocivos à saúde. No caso dos exames e tratamentos da medicina nuclear, são utilizadas pequenas quantidades da substância, de forma controlada, não sendo prejudicial ao paciente; 

Os radiofármacos podem ser utilizados com outros medicamentos

Sim, eles podem! Dependendo da patologia, os radiofármacos podem ser usados muitas vezes em concomitância com outros tratamentos, Não há restrição de idade em tratamento da medicina nuclear Tanto adultos, quanto crianças, podem realizar exames e tratamentos da medicina nuclear. No entanto, quando realizados no público infantil é necessária uma atenção especial à dose de radiação utilizada, que costuma ser menor.

Ficou com alguma dúvida sobre a medicina nuclear? Entre em contato conosco. Ficaremos felizes em esclarecer tudo sobre a especialidade.

Av. Barão de Itapura, 1276 - Jardim Guanabara, Campinas - SP, 13020-432 - Atendimento: Seg a Sex: 07h / 18h - Telefone: (19) 3731-4141